Fale Connosco

Telemóvel

SMS

Direções

Messenger

Whatsapp

NOTÍCIAS

6 aspetos que deve ter em conta antes de comprar um carro usado

Sabemos que a compra de um carro é um processo que envolve algumas indecisões, incertezas e muitas dúvidas. E a verdade é que, de facto, faz todo o sentido que assim seja. Afinal de contas, é um investimento bastante significativo na vida de uma pessoa e é algo que a vai acompanhar durante vários anos (assim esperamos, pelo menos!). 
Seja para se deslocar para o trabalho, para levar os filhos à escola, para passear nas férias e fins de semana, o facto é que um carro é, hoje em dia, um meio essencial na vida de qualquer pessoa/família. 
Assim, surgindo a necessidade de comprar um carro, surge também a hipótese de comprar um carro usado, para um investimento mais económico. E é para isso que nós estamos cá: para ajudar a tomar as melhores decisões e evitar que surjam problemas desagradáveis com o carro, no futuro.

É, então hora de tirar todas as suas dúvidas e usufruir dos nossos melhores conselhos!
 

1. Comprar carro num stand vs a um particular 

Embora seja bastante comum a compra e venda de carros usados entre particulares, a verdade é que este tipo de negócio tem sempre alguns riscos associados. É certo que os valores poderão ser mais em conta e a ausência de intermediários poderá facilitar o processo de compra e venda, no entanto, há alguns riscos que deverão ser tidos em atenção. Um dos principais perigos é ter de fornecer os seus dados pessoais a um desconhecido, que não saberá para que é que poderão ser usados. Outro risco que, infelizmente, é bastante comum entre transações deste género, são as burlas. Além disso, não poderá beneficiar de nenhuma garantia que salvaguarde possíveis problemas futuros. 

Contudo, ao comprar um carro usado num stand, estes problemas não deverão existir. Além de não ter de se preocupar com o uso indevido dos seus dados pessoais, os riscos de burla tornam-se, também, praticamente nulos.
Outro ponto a favor de comprar um carro usado num stand é o facto de, normalmente, oferecerem garantia. Desta forma, livra-se de eventuais problemas durante algum tempo. No entanto, tenha em conta que nem todos oferecem as mesmas condições de garantia e, portanto, o mais aconselhável será sempre procurar as opções que lhe ofereçam as melhores condições. 
Ainda a favor dos stands, está o facto de não ter grandes preocupações com os processos burocráticos e, ainda, o facto de trabalharem com intermediários de crédito.


2. Visitar o carro durante o dia 

Ainda que se trate de um carro usado, é essencial que o carro se encontre nas melhores condições. No entanto, nem todos os vendedores têm essa preocupação com os carros e, muitas vezes, apresentam alguns defeitos. Assim, de forma a conseguir ver todos os pormenores e possíveis defeitos, deverá ver o carro durante o dia e, se possível, com luz natural


3. Analisar todo o exterior

Analisar o exterior do carro de forma detalhada é essencial para que não surjam surpresas desagradáveis mais tarde.
Assim, é essencial que dê atenção a todos os detalhes: ferrugem, riscos na pintura, amolgadelas, mossas, marcas, danos, etc. Para tal, não se esqueça de verificar em volta dos vidros, o capô, a mala, as escovas limpa para-brisas e todas as extremidades.
Outro fator que deverá ter especial atenção são as luzes. Verifique todos os faróis, os piscas, as luzes de travagem, de marcha atrás e, até, a iluminação da placa de matrícula. 
Por fim, não se esqueça de verificar os pneus e as jantes. Verifique a pressão, o desgaste e possíveis saliências. 

Não esquecer que, para verificar tudo isto corretamente, o carro deverá estar limpo e seco.


4. Inspecionar o interior 

Tão importante como inspecionar o exterior, será também verificar todo o interior ao máximo detalhe. Para tal, comece por verificar se os bancos funcionam (a regulação), se os estofos possuem algum buraco ou outros danos, se os tapetes estão gastos e se os cintos de segurança estão em bom estado. 
Além disso, não se esqueça de testar todos os instrumentos de bordo: os piscas, os quatro piscas, a buzina, o limpa para-brisas, a ativação dos faróis, o desembaciador, o rádio, o ar condicionado/ sistema de climatização e, claro, verifique se existe alguma luz de aviso ligada no painel de instrumentos. 


5. Faça um test drive

Depois de verificar todo o exterior e interior de carro, é hora de ir dar uma voltinha com ele! Conduza o carro durante alguns minutos e não se esqueça de o testar em todas as situações: em retas, em curvas, em subidas, em descidas, em diferentes pisos e várias velocidades. Enquanto isso, fique atento a todos os possíveis ruídos. 
Não se esqueça, também, de verificar se a direção está alinhada, se a embraiagem está em boas condições, se os amortecedores estão em bom estado e se os travões funcionam corretamente e sem ruídos. 


6. Verifique a documentação  

Confirme se o carro possui toda a documentação obrigatória legalizada: o Documento Único Automóvel; o comprovativo de pagamento do Imposto Único de Circulação (IUC); o certificado de inspeção e, se possível, o livro de revisões. 


Cumprindo todos estes passos de forma minuciosa, estará tudo pronto para comprar o seu carro usado sem surpresas desagradáveis e nas melhores condições! 

Serviços de Excelência que temos para si.
Morada
Av. de São Lourenço 29, 4705- 444 Celeirós, Braga
Obter Direcções
Contactos
911 797 893
(Chamada para rede móvel nacional)
964 717 241
(Chamada para rede móvel nacional)
geral@idrivemobile.pt
Horário
Segunda a Sexta: 9h às 19h
Sábado: 9h às 13h
Domingo: Fechado
Direções para o Idrivemobile
Termos e Condições . Política de Privacidade . Arbitragem de Conflitos de Consumo . Política de Cookies . livroreclamacoes.pt . arbitragemauto.pt
© Idrivemobile
Todos os direitos reservados
Developed by:
FALE CONNOSCO
ANO
PREÇO
KM
PESQUISAR